EN / PT
Galeria Luciana Brito

30 RAT/ART: Curadoria de Tiago Tebet

LB News
  • Hugo Frasa, ARTARTAЯ, 2007 (detalhe), Cortesia Galeria Emma Thomas
    1/16

O mito dos trinta anos é onipresente no inconsciente coletivo. Se aos vinte e pouco estamos na soleira da vida adulta, aos trinta não só adentramos o mundo maduro, como a porta se tranca irreversivelmente atrás de nós. Uma reflexão sobre as consequências dessa transição para a produção artística dá origem à a exposição "30 RAT/ART", primeira curadoria do artista paulista Tiago Tebet. Com abertura no dia 27 de junho, a mostra pode ser visitada até 01 de agosto na Luciana Brito Galeria.

 

Em "30 RAT/ART", Adriano Costa, Hugo Frasa, Jac Leirner, Leda Catunda, Marcelo Cidade e Nicolás Robbio são representados, cada um, por duas fases de sua produção: uma anterior e uma posterior ao seu trigésimo aniversário. Por seguir a mesma regra, Tiago Tebet torna-se a única exceção: aos 29 anos, o artista ainda não completou a transição para o segundo grande ato da vida.

 

Todos os convidados são referências marcantes para a produção de Tiago, e é possível estabelecer entre eles linhas de influência geracionais. Apesar de desenvolverem pesquisas bastante autorais, e por vezes muito distintas entre si, o curador vê semelhanças entre seus trabalhos, especialmente uma tendência a pensar a cidade. O critério cronológico da curadoria aparece, então, como intimamente relacionado a um eixo geográfico/territorial: todos os artistas da mostra vivem e trabalham em São Paulo, o que transparece em suas obras pela presença de signos urbanos.

 

Não se trata, porém, de uma alusão direta à cidade ou de uma abordagem literal ou narrativa de suas problemáticas. Marcelo Cidade, por exemplo, apropria-se de caixas de madeira utilizadas na construção civil para misturar o concreto, transfigurando-as em objetos estéticos; Nicolás Robbio cria uma barraca invertida, fixada no teto com pêndulos de construção. A cidade, a técnica e o tempo são elementos essenciais a tais peças, que, no entanto, não caem em aspectos representativos. “Os trabalhos expostos são fruto de processos e pensamento bastante sofisticados, mas sua formalização é simples, primordial. Através de um olhar urbano, esses artistas voltam-se para os aspectos essenciais da existência. E a arte em si é, claro, um deles”, afirma o curador.

 

 

Sobre Tiago Tebet

Tiago Tebet nasceu em 1986, em São Paulo, onde vive e trabalha. Graduou-se em Artes Plásticas na Fundação Armando Alvares Penteado, em 2009, ano em que foi contemplado com o Prêmio da 40ª Anual de Artes Plásticas da FAAP. Apresentou individuais na Luciana Brito Galeria em 2013, 2012 e 2011. Dentre as exposições coletivas de que participou, destacam-se a 28a Bienal de Arte de São Paulo (com o grupo Anarcademia), em 2008, Paralela 2010, no Liceu de Artes e Ofícios (São Paulo), em 2010, e Os Primeiros Dez Anos, no Instituto Tomie Ohtake (São Paulo), em 2011.    

30 RAT/ART

Curadoria de Tiago Tebet

Com Adriano Costa, Hugo Frasa, Jac Leirner, Leda Catunda, Marcelo Cidade, Nicolás Robbio e Tiago Tebet

 

Abertura: 27 de junho (sábado), às 14h

Exposição: 30 de junho a 01 de agosto